Com falta de apoio na maioria, ‘pastor do PT’ buscará aliança com pastores anônimos

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

Não tem sido fácil o trabalho de Paulo Marcelo Schallenberger, que está sendo chamado no meio político de ‘pastor do PT’ devido ao seu apoio ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o líder petista que, apesar de já ter sido condenado por corrupção e lavagem de dinheiro, deverá disputar a Presidência da República este ano.

Isso, porque, conselheiro de Lula na comunicação com o público evangélico, Paulo Marcelo tem encontrado dificuldades de emplacar a ideia de que o líder petista pró-direito ao aborto pode ser uma opção moralmente aceitável para os cristãos do país na disputa presidencial.

Diante da resistência da maioria dos evangélicos, o pastor do PT prepara uma série de reuniões visando alçar o apoio de pastores anônimos à campanha da esquerda, segundo informações veiculadas pelo Estadão.

Gospel + ( foto arquivo PCG)

 

OUTRAS NOTÍCIAS