Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 14/06/2019

Comerciantes satisfeitos com bom movimento e novo espaço do Arraiá do Comércio

A boa presença do público no Arraiá do Comércio vem rendendo bons lucros para quem aproveita a festa para garantir uma renda extra no período junino. Este ano o evento está sendo realizado na Praça Padre Ovídio. É uma promoção do Sesc (Serviço Social do Comércio) em parceria com a Prefeitura.

 

O Arraiá do Comércio funciona das 10h da manhã às 22h. Foi iniciado no último sábado, 8, e segue até o próximo domingo, 16. Durante o dia o público pode visitar as barracas e aproveitar as iguarias, entre comidas típicas e licores diversos. A noite o evento ganha o incremento dos shows dos trios de forró.

 

Na noite de quarta-feira, 12, Dia dos Namorados, os comerciantes comemoram também o sucesso da festa. Há 13 anos vendendo licor no Arraiá do Comércio, Maria das Graças estava feliz com o resultado das vendas até agora. Ela disse que já vendeu mil litros da bebida e espera vender muito mais até o último dia da festa.

 

“Este ano o comércio está bombando tanto pela presença do povo como pelo comércio de licor. Quem não compra o litro pode preferir o copo”, afirmou.

 

Na Barraca da Sogra, Isa Trindade também estava animada. Mas, diferente de Maria das Graças, ela disse que a venda de licor está razoável. Mesmo assim, a comerciante mostrava-se otimista. “Eu acho que no próximo final de semana vai melhorar muito”.

 

No local há licores em diversos sabores. Os mais comuns são chocolate, maracujá, amendoim, genipapo e tamarindo. O preço por litro varia de R$ 10,00 a R$ 15,00.

 

A comerciante Susana Neves elogiou o novo espaço do Arraiá do Comércio. “Eu participo desde o primeiro ano do evento. Minha avaliação é que a festa está parecida com os bons tempos. Quando começou no estacionamento da Prefeitura”, lembra.

 

O gerente do Sesc, Fabrício Freitas, fez uma avaliação positiva da festa. Para ele a dinâmica do espaço da praça permitiu maior organização do evento.

 

“Este ano a grande mudança foi sairmos da Praça do Fórum para a Praça Padre Ovídio. Temos espaço infantil, para artesanato, além de uma Praça de Alimentação sem a necessidade dos tabuleiros espalhados”, informou.

 

Secom