Cresce o número de igrejas católicas vandalizadas e incendiadas no Canadá

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

Uma campanha de vandalismo em andamento no Canadá resultou num total de 45 igrejas sendo atacadas, com alguns dos edifícios sendo totalmente queimados. Conforme relatado pelo CBN News, a maioria dos ataques foram contra igrejas católicas romanas que atendem comunidades indígenas.

“Incendiar igrejas não é uma solidariedade conosco, povos indígenas. Nós não destruímos os locais de culto das pessoas”, disse Jenn Allan-Riley, ministra pentecostal assistente da Living Waters Church durante uma entrevista coletiva, na semana passada.

O CTV News relatou que os líderes indígenas estão pedindo o fim dos incêndios criminosos contra as igrejas. “Estamos preocupados com o incêndio e a destruição de igrejas, trazendo mais conflitos, depressão e ansiedade para aqueles que já sofrem com dor e luto”, disse ela.

Dos 45 edifícios, sabe-se que 17 foram totalmente queimados. Os incêndios e os atos de vandalismo estão ocorrendo em seis províncias e também nos territórios da região Noroeste do país.

A Royal Canadian Mounted Police (RCMP) disse que está investigando os locais onde os incêndios ocorreram em busca de respostas e conexões.

Fonte: Guia-me com informações de CBN News e UOL/ imagem reprodução redes sociais

OUTRAS NOTÍCIAS