Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 20/08/2018

Danilo Gentili denuncia hostilidade de ativista a culto em praça de NY: “Pessoal do bem”

O apresentador Danilo Gentili filmou e denunciou através do Twitter um ato de hostilidade de uma dupla ativista contra um grupo de cristãos que fazia um culto ao ar livre em uma praça de Nova York, nos EUA.

 

O vídeo mostra que o grupo de fiéis se reuniu no espaço público para fazer uma celebração evangelística. Dentre os fiéis, estavam músicos e integrantes de um coral. No momento da interrupção, o pastor pregava e uma roda de pessoas tinha se formado em volta para ouvi-lo

 

“Acabei de filmar aqui em NY o pessoal ‘do bem’. Fiquei imaginando como reagiria a mina aí se alguém apenas tocasse o ombro dela e dissesse ‘chegamos primeiro, pode rebolar um pouco mais pra lá?’. Quem duvida que ela iria cair, chilicar e dizer que foi desrespeitada e agredida?”, escreveu Danilo Gentili no tweet com o vídeo.

 

No ápice da gritaria promovida pela ativista, os fiéis que acompanhavam o pastor começaram a cantar, espontaneamente, o hino Há Poder no Sangue de Jesus (Would you be free from your burden of sin, composto por Lewis Ellis Jones no século passado), presente na Harpa Cristã.

 

“Há poder, sim, força e vigor/Neste sangue de Jesus/Há poder, sim, no bom Salvador/Oh! Confia no Cristo da cruz”, entoaram os fiéis, enquanto o pastor continuava a pregar que Deus exercerá juízo sobre todos.

 

Gospel +