Versículo do dia
Porque quem quer amar a vida e ver os dias bons, refreie a sua língua do mal, e os seus lábios não falem engano; aparte-se do mal e faça o bem; busque a paz e siga-a.

Dia dos Namorados no Brasil: Por que é dia 12 de junho?

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

Talvez você já saiba que o Dia dos Namorados no Brasil é uma data criada com intuito comercial. Enquanto outros países usam o Dia de São Valentim, 14 de fevereiro, como o dia para a troca de presentes entre amantes e também amigos próximos, o Brasil comemora o amor no dia 12 de junho.

A razão é puramente comercial e tem uma relação inusitada com o governador de São Paulo, João Doria. A data foi criada pelo seu pai, o publicitário João Doria, em 1949.

Insatisfeita com o resultado das vendas em junho, a loja Exposição Clipper contratou o publicitário João Doria, na época diretor da agência de publicidade Standard Propaganda.

A ideia de Doria foi instituir mais uma data para troca de presentes. O dia 12 foi escolhido por ser véspera da comemoração de Santo Antônio, conhecido como santo casamenteiro.

As primeiras propagandas da loja afirmavam que “não é só com beijos que se prova o amor” e “amor com amor se paga”.

Considerada a melhor do ano pela Associação Paulista de Propaganda à época, a data começou a ficar mais popular no país no ano seguinte, quando mais lojas de São Paulo e também de outras cidades entraram na competição comercial.

DIA DE SÃO VALENTIM
Já a origem do Dia de São Valentim é muito mais antiga, remonta ao século 5. Há diversas explicações para o dia. A mais famosa, no entanto, é a de que São Valentim era um padre de Roma.

O imperador Claudio II havia proibido os soldados de se casarem. Ele acreditava que sem família, o desempenho dos militares seria melhor em campo.

Valentim, porém, defendeu que o matrimônio fazia parte do plano de Deus. Por isso, ele quebrou a lei e passou a celebrar as cerimônias em segredo.

Quando o imperador descobriu, mandou prender o padre e o sentenciou à morte no ano 270 d.C. Quando estava na prisão, Valentim teria se apaixonado pela filha de um carcereiro. Quando foi cumprir sua sentença, ele enviou uma carta de amor à mulher assinando “do seu Valentim”. Daí surgiu o costume de enviar cartas românticas no dia 14 de fevereiro.

Mas foi apenas dois séculos depois que o Valentine’s Day passou a ser oficial, quando a data foi instituída pelo papa Gelásio.

Pleno News

OUTRAS NOTÍCIAS