Dinheiro economizado pela Câmara resultará em 50 viaturas para as polícias de Feira de Santana

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

Cinquenta viaturas serão locadas e distribuídas entre as polícias Militar, Civil e também à Guarda Municipal de Feira de Santana. A medida, que é fruto da economia feita na Câmara Municipal nesta legislatura, foi anunciada no Plenário pelo presidente da Casa, Fernando Torres (PSD), na manhã desta terça (08).

Serão investidos R$2,4 milhões no aluguel e combustível das 50 viaturas que serão distribuídas da seguinte forma: 30 para a Polícia Militar; 10 para a Polícia Civil e 10 para a Guarda Municipal. “A economia que fizemos aqui, combatendo os maus políticos, vai ser revertida em segurança pública, que é o nosso maior problema. A segurança está precisando de equipamentos e nós aqui na Câmara estamos fazendo a nossa parte”, disse Fernando Torres.

As viaturas serão alugadas. Metade do montante será encaminhado para a locação e, a outra metade, para o abastecimento dos tanques de combustível dos automóveis. “Conversamos ontem com o prefeito Colbert. A Câmara não pode contratar diretamente a locação dessas viaturas. Então, vamos repassar o dinheiro para a Prefeitura, que fará a licitação”, explicou.

“Anos anteriores, na época de Tarcízio [prefeito], houve uma doação desse tipo, feita a meu pedido, quando eu era deputado, mas o TCM recomendou não fazer a doação alegando que quem doa os carros, deve doar também o combustível. A Câmara dará o combustível para essas viaturas rodarem. Com isso, o governo do estado e a prefeitura não terão despesa alguma”.

De acordo com Fernando Torres, “no máximo, em 45 dias, Feira de Santana terá a maior quantidade de viaturas doadas por algum órgão”. O parlamentar salientou: “nunca ouvi falar que o governo do estado tenha trazido para Feira 50 viaturas de uma só vez”.

Ascom

OUTRAS NOTÍCIAS