Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 06/08/2018

“Ele era viciado em cocaína e maconha”, diz Eyshila sobre o marido

A cantora Eyshila contou um testemunho sobre o seu esposo, Odilon Santos, com quem é casada há 23 anos, que foi usuário de cocaína e maconha durante o período em que eles já estavam se relacionando.

 

O testemunho foi contado durante entrevista no programa “Promessas no G1”, onde além de cantar algumas músicas, Eyshila deu detalhes de como superou a dependência química do marido através da oração e confiança nas promessas de Deus.

 

“Com 23 anos eu casei e neste ano eu faço 23 anos de casada. Metade da vida eu passei com este homem. O nosso casamento sobreviveu às tempestades. Quando eu o conheci, ele era o filho do pastor mais lindo que tinha. Eu tinha 17 anos e me apaixonei por alguém da igreja”, disse ela na entrevista.

 

“No decorrer do namoro eu descobri que ele tinha um problema básico, ele era viciado em cocaína e maconha”, acrescenta, dizendo que para o contexto da família evangélica isso era algo ainda mais absurdo de se admitir.

 

A cantora disse que inicialmente não desconfiou de nada, até perceber um comportamento estranho no namorado, que passava dias sem aparecer, até que a cunhada dela lhe contou o segredo do irmão.

 

“Eu não tinha noção do que era uma pessoa viciada até que depois de um ano de namoro eu descobri porque que ele desaparecia por três dias, aquelas coisas que dependentes químicos fazem. Eu descobri pela irmã dele que ele estava enfiado nas drogas há anos, não era algo recente”, disse ela.

 

Eyshila disse que pensou em desistir, pois era muito nova e não tinha conhecimento sobre o assunto. Segundo ela, o relacionamento era “muito mais briga que oração” e que ficavam “terminando e voltando” várias vezes. “Mas também não consegui encontrar outra pessoa que eu amasse como ele. Então eu resolvi com a permissão dos meus pais encarar isso”, destaca.

 

Eyshila e Odilon Santos se casaram quando a compulsão pelo uso de drogas do marido estava mais controlada. “Só que prestes a casar, ele teve outra recaída”, lembra ela. Seu marido chegou a lhe pedir para ir embora, pois apesar de amá-la, ele não acreditava que conseguiria largar o vício.

 

Entretanto, Eyshila lembrou das promessas de Deus em sua vida e isso lhe deu forças para continuar. “Eu tinha uma promessa e a gente acredita nas promessas de Deus. Eu acreditei que eu ia se casar com alguém que se tornaria um pastor, eu tinha esse sonho e acreditei”, disse ela.

 

Foi a partir dai que ela também resolveu mudar de estratégia. No lugar das cobranças extremas e reclamações constantes, a cantora resolveu entregar nas mãos de Deus, demonstrar mais compreensão ao marido e orar por ele.

 

“Eu falei o seguinte: ‘eu não vou mais brigar com você por causa disso. Acabaram os gritos, acabaram as brigas nesta casa agora. Eu só vou orar e vou te amar, porque mesmo que um dia eu receba a notícia de que você morreu, pelo menos eu curti com você, com meu amor”, disse ela.

 

“Vamos esquecer que você é um viciado, eu vou só te amar e eu sei que se o meu amor não te curar, não vai ser o meu ódio’ (…). Você não vai ouvir mais os meus gritos, você só vai ser recebido com beijos e abraços’”, lembra.

 

Apesar do método, ela afirma que não recomenda para todos os casos e diz que funcionou entre eles. O fato é que seu marido se reaproximou cada vez mais de Deus, largou o vício e há 23 anos o casal está na presença de Deus. Assista o testemunho no vídeo abaixo:

 
Gospel +