Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 25/07/2019

Evangélicos “dão forças para cumprir missão” de governar, diz Bolsonaro em mais um culto

A Conferência Global, realizada em Brasília pela igreja Comunidade das Nações, recebeu o presidente Jair Bolsonaro (PSL) na noite da última terça-feira, 23 de julho. Esse foi o terceiro evento organizado por evangélicos que o mandatário participou nos últimos dias.

 

Acompanhado da esposa, Michelle Bolsonaro, e da ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, o presidente fez um breve discurso logo após a execução do Hino Nacional.

 

Bolsonaro relembrou que foi eleito para o cargo “pelas mãos da grande maioria” das pessoas presentes ao evento para a “missão de acomodar o país”. Em seguida, afirmou que confia que Deus capacita os escolhidos.

 

“Como usei durante a campanha uma passagem bíblica, sobre a verdade, eu também tinha a certeza de que Ele capacitaria os escolhidos. E o primeiro ensinamento é a humildade acima de tudo, tendo boas pessoas ao teu lado, confiando nelas, mais que demonstrando, dando o exemplo, podemos fazer o Brasil que merecemos”, disse o presidente.

 

Em março, ele já havia comparecido a um culto na Comunidade das Nações, e na ocasião, revelou que sua oração a Deus tem sido no sentido de ser capacitado com “coragem para decidir o futuro do nosso país”.

 

No culto de ontem, o presidente declarou que “não há honra maior do que cantar o Hino Nacional juntamente àqueles que têm Deus no coração” e declarou que os evangélicos ao seu redor, incluindo a primeira-dama, “dão forças para cumprir essa missão que sabemos de quem é”.

 

Em outro trecho de seu breve discurso, novamente o presidente agradeceu a Deus pelo livramento de morte no episódio do atentado em Juiz de Fora (MG), declarando que “com toda certeza” aquele foi o momento mais difícil que viveu até hoje: “Mas graças a orações e a Deus vencemos esse obstáculo”, disse, segundo informações do Estadão Conteúdo.

 

Gospel +