Ex-volante da Seleção Brasileira reconhece que seu maior gol foi entregar vida a Jesus

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

O jogador de futebol, Emerson, ex-volante da Seleção Brasileira e capitão na copa mundial de 2002, atualmente frequenta a Igreja Batista Lagoinha de Orlando, nos EUA, com sua esposa Aline, onde compartilhou seu testemunho na última terça-feira (02).

O casal falou sobre um tempo de dificuldades que enfrentou, quando as portas estavam se fechando e parecia que nada mais dava certo. Os dois se questionaram: “Será que estamos orando para Deus fazer a vontade Ele?”, compartilhou a esposa.

“Parecia que a ‘bola’ era pesada demais, a gente chutava e ela não saía do lugar”, disse Emerson ao se referir à vida na época.

O casal disse que fez um jejum de sete dias com o propósito de “ouvir a voz de Deus” e com a convicção de que a resposta viria. Eles estavam na casa de amigos, em Orlando, onde oraram juntos.

A resposta chegou no dia seguinte, pela manhã, durante um culto. “Deus usou o pastor de uma forma sobrenatural. O tema era ‘Abra as Portas’ e nossas portas estavam fechadas. Deus tirou todas as dúvidas dos nossos corações”, disse Aline.

Segundo o jogador, Deus disse claramente a ele que não era falta de oração. “Deus mostrou que eu estava me dividindo entre Ele e as coisas do mundo e colocando os meus projetos na frente”, contou.

“Eu entendi o que estava acontecendo. Peguei a Bíblia e comecei a orar. Deus disse: ‘Calma, estou cuidando de tudo. Fique tranquilo. Eu quero algo mais de você, mas não será através dos seus projetos’. Deus disse que iria me capacitar para algo”, lembrou.

Emerson conta que depois disso, as coisas começaram a se desenrolar. O visto do casal para ficar nos EUA foi liberado. E as demais coisas começaram a acontecer.

“Deixo-lhes a paz; a minha paz lhes dou. Não a dou como o mundo a dá. Não se perturbem os seus corações, nem tenham medo, [João 14.27]”, leu e reforçou: “Coloque as coisas de Deus em primeiro lugar e Ele cuidará da sua vida”, concluiu.

Emerson passou por grandes clubes no Brasil, como Grêmio, Bayer Leverkusen, Roma, Juventus, Real Madrid, Milan e Santos. Participou da Copa do Mundo de 2006, sua última competição com a Seleção Brasileira e encerrou sua carreira de jogador em 2009. Atualmente, ele, a esposa e as filhas moram nos EUA e dedicam suas vidas a Deus.

Fonte _ Guia me

OUTRAS NOTÍCIAS