Flordelis aponta filha Simone como mandante da execução do pastor

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

A pastora e deputada federal Flordelis, acusada de ser a mandante do assassinato do marido, o pastor Anderson do Carmo, afirmou que a filha Simone foi a responsável por chefiar a execução do religioso. Ele foi morto em junho de 2019, na garagem da casa onde morava com a mulher e os filhos. A declaração foi dada em entrevista ao programa Conversa com Bial, que vai ao ar nesta quinta-feira (25/3).

Na entrevista, Flordelis tenta explicar as contradições e os fatos que fizeram o Ministério Público do Rio de Janeiro considerá-la a mentora do crime.

Ela também dá a sua versão para a trama familiar que explicaria por que duas filhas do casal teriam motivações para matar Anderson

Fonte- Metrópoles

OUTRAS NOTÍCIAS