Governo do Estado investe na construção e reforma de quase 100 unidades da Polícia Civil

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

Entre delegacias e Complexos Policiais, o Governo do Estado segue investindo na modernização, construção e reforma de 98 unidades da Polícia Civil, em toda a Bahia. Em Salvador e Região Metropolitana (RMS), mais de 15 unidades foram contempladas com o pacote de obras anunciadas para a Secretaria da Segurança Pública (SSP).

Apenas em 2022, a gestão estadual já concluiu obras de reforma e construção da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) no município de Camaçari, do Complexo dos Barris e da 6ª Delegacia Territorial (DT) em Brotas. Outra edificação que passou por melhoria estrutural foi a recém-criada Coordenação Especializada de Repressão aos Crimes de Intolerância e Discriminação (Coercid).

Na primeira fase de obras das unidades da Polícia Civil, o Governo da Bahia investiu R$ 83 milhões. A previsão é que seja investido um total de R$ 200 milhões, em reformas e construções de unidades das polícias Civil e Militar, até o fim deste ano.

A delegada-geral da Polícia Civil, Heloísa Campos de Brito, destaca que as edificações em intervenções passarão a contar com instalações mais amplas e já adequadas para as exigências atuais da Polícia Judiciária. “Pensamos nessas unidades exatamente para que elas se tornem locais com melhor acolhimento para o cidadão, que passará a contar com atendimento individualizado. Também repensamos a nossa estrutura interna, provendo mais qualidade ao local de trabalho, para que o agente possa ter os meios adequados para desenvolver bem as suas atividades laborativas”, pontua a delegada-geral.

Segurança da RMS ganha reforço estrutural

Na capital, estão em fase de conclusão as reformas no prédio da antiga Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA), no Parque de Exposições, onde serão instaladas as sedes do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP) e Departamento de Polícia Metropolitana (Depom).

Outras obras de Delegacias Territoriais (DT) também seguem em andamento. É o caso da requalificação da Delegacia de Proteção ao Turista, que trará em suas instalações fotos da cultura baiana, permitindo maior acolhimento aos usuários. Seguem ainda com intervenções as unidades da 23ª DT, em Lauro de Freitas, 27ª DT, em Itinga, 22ª DT, no município de Simões Filho. Já a 10ª DT, no bairro de Pau da Lima, ganhará um novo prédio estruturado para adaptação às inovações, da rede física da Polícia Civil. A Deam de Brotas é outra que passará por requalificações estruturais.

Intervenções de manutenção já foram concluídas na 7ª DT, no bairro do Rio Vermelho. A expectativa para os próximos meses é a construção de uma nova delegacia no bairro de Valéria. O objetivo é que a nova unidade de policiamento civil fique mais próxima da comunidade e ofereça mais comodidade e segurança para a população da região. O Complexo do Ogunjá está em fase inicial de reforma e a Academia da Polícia Civil (Acadepol) ganhará um novo prédio, que teve a ordem de serviço assinada no mês de abril, e será construído no bairro de São Cristóvão.

Interior

“Estamos com obras em todas as regiões da Bahia, com a ideia de trazer esse padrão de atendimento de polícia judiciária para toda a sociedade baiana”, detalha Heloísa Campos. Os investimentos serão aplicados ainda no parque tecnológico da Polícia Civil e na aquisição de viaturas mais modernas.

Em Senhor do Bonfim, no norte do estado, as novas sedes da 19ª Coordenadoria Regional da Polícia Civil, da Delegacia Territorial e da Coordenadoria Regional de Polícia Técnica estão em fase final de construção. A expectativa é que novos espaços de atendimento ao público sejam entregues no início do segundo semestre deste ano.

Na primeira etapa de modernização das estruturas da PC, serão contempladas 46 cidades do interior da Bahia. Já foram reformadas unidades em Alagoinhas e Jequié, e novas estão em construção em Jaguaquara, Laje, Ubaíra e Itiruçu, além da reforma da unidade em Mutuípe.

Ascom

OUTRAS NOTÍCIAS