Versículo do dia
Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito, pois vou preparar-vos lugar.

Hemoba tem alta demanda de sangue para pacientes com complicações pela Covid-19

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

Na medida em que aumenta a média móvel de casos de Covid-19 na Bahia e pessoas se internam para tratamento da doença, maior a necessidade de sangue para situações de agravamento pelo vírus. Esse é o caso do Hospital Espanhol e de outros hospitais de campanha instalados em Salvador. Nos últimos três meses, o Hospital Espanhol precisou de 250 bolsas de sangue, desse total, 52 foram solicitadas só no mês de dezembro.

Desde o início da pandemia, a Fundação Hemoba enviou 476 bolsas ao Hospital Espanhol, 150 para o Hospital Sagrada Família, 118 para o hospital da Arena Fonte Nova, desativado em outubro, 231 para o hospital do Wet and Wild, fechado em novembro, e 81 para o Hospital Santa Clara. Os dados correspondem a 1.056 bolsas enviadas só aos hospitais de campanha durante a pandemia.

Para doar sangue, o voluntário deve estar em boas condições de saúde, sem sintomas virais, pesar mais de 50 quilos, estar bem alimentado e ter entre 16 e 69 anos incompletos. Menores de 18 anos precisam estar acompanhados de um responsável legal, e apresentar documento original com foto, emitido por órgão oficial e válido em todo o território nacional.

Unidades de coleta em Salvador

Na capital baiana, tem unidades de coleta fixas da Hemoba no Salvador Shopping, no Salvador Norte Shopping, no Hospital Irmã Dulce e no Hospital do Subúrbio. Além da sede da Hemoba, na Vasco da Gama, que funciona de segunda a sexta, das 07h30 às 18h30 e aos sábados, das 7h30 às 12h30.

No interior

A Hemoba tem 21 unidades de coleta nas 9 macrorregiões da Bahia. Os locais, horários de funcionamento e telefones para agendamento estão disponíveis no site da Hemoba.

Fonte: Hemoba

OUTRAS NOTÍCIAS