Versículo do dia
Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai das misericórdias e o Deus de toda consolação, que nos consola em toda a nossa tribulação, para que também possamos consolar os que estiverem em alguma tribulação, com a consolação com que nós mesmos somos consolados de Deus.

Humorista conta como Jesus transformou sua carreira: “Ele me trouxe das trevas para a luz”

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

“Deus é poderoso. Ele vai converter você, mesmo sem você querer”. A afirmação foi feita pelo humorista e ator cristão João Netto ao compartilhar o seu testemunho com exclusividade ao Portal Guiame.

 

O ator esteve visitando a Expoevangélica 2017 e não só alegrou o público com seu bom humor, mas também edificou a muitos com sua impactante história de vida.

“O meu testemunho foi pela dor. Somente com 42 anos – hoje eu tenho 55 – Deus teve misericórdia e me quebrou com uma separação, uma depressão, muita dor, para poder arrancar do mundo, me arrancar das trevas e trazer para a luz. Não é fácil”, disse o ator em entrevista para o Guiame.

 

O humorista conhecido por seus personagens como o peculiar ‘Zé Modesto’, confessou que apesar de seu trabalho consistir em ‘levar algum tipo de alegria às pessoas’, sua vida pessoal passava por muita dor.

 

João Netto usou seu próprio testemunho como exemplo para mostrar que a salvação do ser humano não depende apenas da vontade humana, mas se submete ao plano divino.

 

“Comigo foi assim, eu não queria. Ainda quando eu levantei a minha mão, que eu não entendi, que gritaram ‘Aleluia’ e ‘Glória a Deus’, só eu levantei e ninguém mais, eu perguntei para a minha filha: ‘Ninguém quer Jesus aqui, não?’. Ela respondeu: ‘Não, pai. Todo mundo aqui já era crente. O senhor é que virou crente agora’. Aí eu baixei a mão, ou seja, eu me converti sem querer mesmo, mas Deus é poderoso. Ele vai converter você, mesmo sem você querer”, destacou.

 

O ator aproveitou a sua história compartilhada para enviar uma mensagem de incentivo àqueles que estão orando pela conversão de um parente ou amigo.

 

“Às vezes é preciso muita dor na pessoa, mas uma coisa eu lhe digo… você que está me ouvindo, se você inclinou seu coração e orou a Deus pela salvação de alguém, e se você persistir na oração, tenha fé e creia: mais dias, menos dias, Deus vai salvar”, afirmou.

 

OUTRAS NOTÍCIAS