Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 06/02/2020

Igreja Mundial estaria sendo processada por dívida de aluguéis de templo

A Igreja Mundial do Poder de Deus estaria com o aluguel de um de seus templos em São Paulo atrasado, com o valor devido em torno de R$ 160 mil. O proprietário do imóvel teria movido um processo para tentar receber os valores.

 

A denominação neopentecostal liderada pelo autointitulado apóstolo Valdemiro Santiago é uma das principais dessa corrente doutrinária no país, e já teve um representante na Câmara dos Deputados, o missionário José Olímpio (DEM-SP).

 

De acordo com informações da revista Veja SP, o empresário Luiz Carlos Baltasar, proprietário do imóvel na Avenida do Cursino, na zona sul paulistana, teria pedido à Justiça que cobre de Santiago e Olímpio os aluguéis de março de 2018 até a atual data.

 

Essa não é a primeira vez que a Mundial atrasa o aluguel desse imóvel, dentre outros problemas com atrasos já noticiados pela mídia.
Em fevereiro de 2017 iniciou-se uma sequência de atrasos até o mesmo mês de 2018, quando Baltasar procurou o Poder Judiciário e, através de um acordo, conseguiu receber os R$ 87 mil devidos à época.

 

No entanto, no mês seguinte, a Igreja Mundial teria voltado a atrasar os pagamentos logo após honrar o acordo, e desde então, nenhum valor é pago desde então. O advogado Rafael Buriham, que representa o dono do imóvel, relatou que um membro da igreja chegou a fazer contato ao longo do ano passado, afirmando que a instituição iria colocar as contas em dia, mas logo depois desapareceu.

 

“Cogitamos entrar com uma ação de despejo. É muito problemático precisar ficar acionando a Justiça para receber”, afirmou Buriham.

 

O jornalista Guilherme Queiroz, da Veja SP, informou que a revista procurou o ex-deputado e a assessoria de imprensa da Igreja Mundial, porém não obteve resposta.

 

Gospel +