Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 16/01/2020

Janeiro Branco: Hospital Estadual da Criança promove roda de conversa com funcionários para discutir sobre importância da saúde mental

Com o tema “Quando você é quem cuida, quem cuida de você?”, os(as) colaboradores(as) do Hospital Estadual da Criança (HEC) participaram na tarde desta quarta-feira (15), no auditório da unidade, de uma roda de conversa pelo Janeiro Branco – mês da conscientização sobre a saúde mental – para discutir sobre a importância dos cuidados e possíveis estratégias para manutenção da saúde mental, tanto no cotidiano hospitalar quanto na vida pessoal. Estiveram presentes os representantes do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) de Feira de Santana: a Psicóloga Polyana Rebouças, a Fisioterapeuta Luana Santana e o Enfermeiro Raimundo Mozart, bem como funcionários do HEC de diferentes áreas de atuação.

 

De acordo com a psicóloga Ielma Soares, “o Janeiro Branco vem para nos sensibilizarmos a pensarmos algo que é para nós muito precioso: nossa saúde mental. E hoje, com essa roda de conversa, propusemos uma reflexão em torno desse mês, que inicia o ano, e é um momento em que estamos mais abertos a criar estratégias e pensarmos ‘Por onde estamos caminhando? Onde queremos chegar?’; e do branco, que, como um papel, escrevemos planos e propostas. Por isso, o que refletimos na tarde de hoje é como podemos e devemos incluir a saúde mental e as estratégias em saúde mental para esse novo ano que se inicia”.

 

A atividade foi promovida pelo Grupo de Humanização do Hospital que, durante o ano, realiza atividades de conscientização, humanização e integração entre funcionários, acompanhantes e pacientes.

 

O Hospital Estadual da Criança é uma unidade da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia – Sesab, gerida pela Liga Álvaro Bahia (mantenedora do Hospital Martagão Gesteira). O HEC está apto para atendimento de alta e média complexidade, serviço de diagnose e terapia, ambulatório de especialidades, internação e atividades de ensino e pesquisa. A unidade possui 240 leitos de internação e 31 de emergência e, em 2019, realizou 70 mil atendimentos e procedimentos, ao total.

 

Ascom