Versículo do dia
Vede que ninguém dê a outrem mal por mal, mas segui, sempre, o bem, tanto uns para com os outros como para com todos.

 Líder religioso mata fiel para ressuscitá-lo em seguida e provar que realizava “milagres”

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

algemas (1)Um líder religioso foi preso por matar um fiel durante um culto para provar que ele poderia trazê-lo de volta à vida com suas preces.

 

Um porta-voz da Polícia de Punjab disse que o pir Saddar Muhammad Sabir, da aldeia Mubarakabad em Bahawalnagar, ganhou popularidade ao longo dos últimos cinco anos por conta de sua suposta capacidade de realizar “milagres”.

 

No dia 16 de setembro, uma terça-feira, ele anunciou que ele podia trazer a vida de volta a um homem morto. O pir (título dado a anciãos que exercem liderança religiosa em um segmento do islamismo) estabeleceu como requisito que o voluntário deveria ser casado e ter filhos.

 

Sabir escolheu Muhammad Niaz, 40 anos, um trabalhador diarista e pais de seis filhos e que havia se candidatado para o “milagre”. Na quarta-feira (17), Niaz foi colocado sobre uma mesa em uma praça, onde foi teve suas mãos e pernas amarrados.

 

De acordo com a Polícia, Sabir cortou a garganta do voluntário sob o olhar das pessoas. Uma das testemunhas, indignada, ligou para a Polícia e contou sobre o ritual que estava sendo feito em praça pública.

 

Quando a Polícia chegou ao local, constatou que o voluntário estava morto e não havia ocorrido nenhum “milagre”.

 

Segundo informações do site Express Tribune, o pir havia proferido algumas palavras para trazer Niaz de volta à vida, mas se deu conta de que o “milagre” não aconteceria e tentou fugir.

 
Ele foi detido pelos moradores e entregue à Polícia, que constatou que ele costumava pedir ao dono de uma loja de animais para doar aves e cães,para que pudesse salvar os moradores de magia negra.

 

Samina, irmã da vítima, disse que Niaz havia se sacrificado para ajudar o líder espiritual a provar o “milagre”: “Por que eu deveria chorar quando eu sei que o meu irmão está no céu?”, questionou. “Ele vai ser recompensado por seus serviços para o líder espiritual em vida após a morte”.

OUTRAS NOTÍCIAS