Versículo do dia
A ele clamei com a minha boca, e ele foi exaltado pela minha língua.

Mulher é morta pelo Estado Islâmico por ir ao mercado sozinha, com o rosto à mostra

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

540x350_mulherUm vídeo compartilhado nas redes sociais tem causado indignação por suas fortes cenas e uma realidade cruel imposta pelo Estado Islâmico no Oriente Médio. Uma mulher muçulmana foi executada por um grupo de militantes apenas por estar indo ao mercado sozinha sem cobrir toda a cabeça.

 

As informações foram divulgadas pela página Israel Brasil, no Facebook. Centenas de comentários de repúdio contra o ato foram expressados na postagem do vídeo.

 

Mulheres e crianças, sendo muçulmanas ou não, têm sido alvo frequente da violência do grupo extremista. Em novembro do ano passado o jornal britânico Daily Mail publicou uma reportagem que mostra de perto o mercado de escravas sexuais no mundo muçulmano. As ‘mercadorias’ são mulheres e crianças cristãs e yazidis.

 

A denúncia foi fomentada porque foi encontrado no celular de um militante do Estado Islâmico um vídeo que revela como funciona a venda de mulheres capturadas pelos radicais.

 
Segundo o jornal, existe uma tabela de preços quem variam nos leilões no Iraque. Quanto mais nova a mulher, maior o valor cobrado. No vídeo, os militantes avisam que mulheres bonitas e de olhos claros são mais caras. Em outro momento, um deles diz que isso ‘está escrito’, fazendo referência ao Alcorão.

 

 

Na Dabiq, revista de propaganda do Estado Islâmico, o grupo admitiu abertamentamente, pela primeira vez, que entrega essas mulheres como prêmio de guerra.

 

 
GUIAME

OUTRAS NOTÍCIAS