Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 24/08/2017

Oficializada parceria entre Prefeitura e colégio para melhoria do trânsito

A Prefeitura de Feira de Santana e o Colégio Padre Ovídio assinaram acordo de cooperação técnica para oficializar a parceria para execução do Projeto Via Livre – educação para seguir, implantada na instituição há um mês e vem colhendo bons resultados no tocante ao desembarque e embarque dos alunos do colégio, bem como o relacionamento com os motoristas.

 

Antes, entrada e a saída dos estudantes, devido ao posicionamento dos veículos – cerca de 900 por dia – havia interferência direta e negativamente no trânsito de toda área, por onde passam milhares de veículos todas as horas. A readequação acabou com o problema das filas duplas e, às vezes, triplas, situações que travavam o trânsito.

 

“A SMT encontrou a solução para um problema que aborrecia quem tinha que passar em frente do colégio em horário de pico. E os comentários que se ouve é que descer a Senhor dos Passos pela manhã, ao meio-dia e no final da tarde deixou de ser problema para os motoristas”, afirmou o prefeito José Ronaldo de Carvalho.

 

O termo de cooperação, elaborado pela PGM (Procuradoria Geral do Município) prevê a validade de um ano – existe a possibilidade de se estender por igual período. “O impacto em toda região vem sendo positivo, porque o problema registrado na frente do colégio era refletido em outras ruas”, disse o superintendente municipal de Trânsito, Maurício Carvalho.

 

O documento prevê as obrigações das partes na execução do projeto – a meta é incluir dez instituições, entre colégios e faculdades. O superintendente explica que o acordo será individual devido as peculiaridades de cada um dos parceiros. Os próximos a serem inseridos no projeto serão os colégios Intelecto e o Interação.

 

“Os resultados estão sendo positivos”, afirmou a diretora do Padre Ovídio, irmã Maria Salete dos Santos. “Não pensei que a aceitação das mudanças seria tão rápida”. A acompanhou o coordenador da instituição, Cláudio Henrique.

 

Assinaram como testemunhas os secretários municipais de Transporte e Trânsito, Saulo Pereira Figueiredo, de Educação, Jayana Ribeiro, e o diretor-presidente da Fundação Municipal da Tecnologia da Informação, Tecnologia e Cultura Egberto Costa, Antônio Carlos Coelho.

 

 

Secom