Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 18/09/2019

Oficina da Unamacs aborda Psicologia Ambiental e Mobilidade Urbana para estudantes

A relação, nem sempre pacífica, entre os atores sociais que fazem parte do trânsito – pedestres e motoristas, foi discutida durante oficinas promovidas pela Unamacs (Universidade Aberta do Meio Ambiente), que tiveram como tema “Psicologia Ambiental e Mobilidade Urbana”.

 

O evento, realizado na tarde desta terça-feira, 17, no Parque Erivaldo Cerqueira, localizado nas Baraúnas, teve as participações de estudantes do curso de técnico de meio ambiente, do Cetep, e do segundo ano do fundamental do Colégio Santo Antônio.

 

Este ramo da psicologia, diz a psicóloga Lays Fraga, que foi a facilitadora das oficinas, estuda as políticas do setor, como elas vão interferir na vida dos cidadãos e propõe soluções para estes problemas que afetam a vida das pessoas.

 

“O que se busca é a conscientização sobre a relação do trânsito”, afirmou a psicóloga. E a melhor maneira de expandir o conhecimento é formar multiplicadores de informação, entre os adultos, e estimular a conscientização entre as crianças.

 

Para a educadora Elisângela Lucena, o que foi feito busca estimular a tolerância neste relacionamento. “No trânsito, há reclamações de todas as partes. Pedestres reclamam de motoristas, que tem suas queixas destes”. Diz ainda que a parceria é das mais produtivas.

 

A professora Sílvia Letícia de Souza Cerqueira, do Cetep (Centro Territorial de Educação Profissional Portal do Sertão) afirmou que os resultados da oficina são muito positivos para os estudantes, principalmente no tocante à mudança de comportamento.

 

“As mudanças começam pela pessoa, que deve também se preocupar com o coletivo e não apenas com o individual”, disse a estudante Joacir Ribeiro.