Versículo do dia
Porque, assim como todos morrem em Adão, assim também todos serão vivificados em Cristo.

“Oramos para que Cristo cumpra sua vontade”, diz diretor sobre ‘Deus Não Está Morto 3’

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

2250693182-david-r-whiteO ator e cineasta David A.R. White, diretor da franquia de filmes “Deus Não Está Morto”, foi entrevistado pelo site The Gospel Herald. Ele compartilhou sua oração sobre o terceiro longa, além de discutir sobre o sucesso de sua empresa, a Pure Flix Entertainment.

 

Ele disse que “Deus Não Está Morto 3” está sendo feito debaixo de “muita oração”. O filme está atualmente em andamento. “Ao longo do processo, oramos a Deus sobre o que Ele quer que façamos através dessa franquia, e também sobre qual seria o próximo passo”, disse o ator de 46 anos.

 

“Nossa oração para ‘Deus Não Está Morto 3’ é que o Senhor continue nos guiando através de cada passo que tomamos. Oramos para que não o façamos por nossa própria conta ou pelo que nos apaixonamos, mas queremos saber o que Deus deseja para esses filmes e o que o Senhor deseja para a Pure Flix”, ressaltou.

 

Segundo o The Gospel Herald, a Pure Flix é o maior estúdio de cinema independente do mundo, onde foi lançado a primeira edição da franquia “Deus Não Está Morto” em 2014. Apesar de ter um orçamento de apenas 2 milhões de dólares (cerca de R$ 6.380.000), o filme baseado na fé chocou Hollywood ao ganhar 8,6 milhões de dólares em apenas 780 salas de cinema em seu primeiro fim de semana de lançamento.

 

No geral, o filme arrecadou 60 milhões de dólares, se tornando o quinto filme mais lucrativo na história do cinema, com base em seu retorno sobre o investimento. O filme teve uma continuação. “Deus Não Está Morto 2” foi lançado em 2016, estrelado por White, Melissa Joan Hart e Sadie Robertson.

 

Muito esforço

 

No entanto, o sucesso não veio facilmente. White compartilhou como ele lutou financeiramente durante anos após a co-fundação da Pure Flix, em 2005. “Levamos muito tempo para chegar a este ponto”, recordou.

 

“Nós estávamos lutando há um bom tempo antes de ‘Deus Não Está Morto’ acontecer. Chegamos a ficar sem salários por dois anos. Eu aprendi que minha esposa realmente me ama, pois eu tive de vender tudo o que nós possuímos. Foi um negócio difícil, manter as coisas não foi fácil”, lembrou.

 

Boicotes

 

O diretor também recebeu diversas afrontas e reações negativas por conta de seus filmes, pela mídia secular. No início deste ano, um outdoor promovendo o filme “Deus Não Está Morto 2” com a frase “Eu prefiro ficar com Deus e ser julgado pelo mundo do que ficar com o mundo e ser julgado por Deus” foi banida por ser “muito política”.

 

“É uma coisa interessante, porque muitas vezes quando as pessoas têm sucesso de algum tipo, elas acham que a vida vai ser fácil”, disse White com uma risada. “Mas com isso, com o sucesso, tudo de repente vem em um novo conjunto de desafios e lutas e coisas que acontecem”, ressaltou.

 

Refletindo sobre os altos e baixos de sua carreira, White disse que está confiante de uma coisa: “Deus é fiel, mesmo nas piores circunstâncias”. E seja qual for o futuro, o ator disse que seu objetivo principal é glorificar a Deus em tudo o que faz e andar em obediência diante dEle.

 

“Quando você pensa sobre as portas que se abrem e o que se pode realizar, sempre volta para mim que Deus é fiel”, disse White. “Não importa o que a vida lance em você, Deus trabalhará fará com que todas as coisas cooperem para o bem daqueles que O amam. Ele é por você e não o deixará sozinho”, finalizou.

 

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO GOSPEL HERALD

OUTRAS NOTÍCIAS