Passageiros de van são feitos reféns em Salvador; pastor iniciou negociação

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

Cinco passageiros de uma van foram feitos reféns na tarde desta sexta-feira (6), na Avenida Afrânio Peixoto, umas das principais de Salvador, conhecida como Suburbana. As vítimas foram liberadas após negociações entre os três suspeitos e policiais. Ninguém ficou ferido.

O caso aconteceu próximo a um posto de gasolina, no bairro de Itacaranha. A Transalvador precisou interditar o trecho por cerca de uma hora.

A negociação para a liberação das vítimas foi iniciada por um pastor, que entrou no veículo para conversar com os suspeitos.

Os homens, que estavam armados com facas, entraram na van, na região do Comércio. O veículo seguiria para o bairro de São Caetano, mas, durante o assalto, fez uma rota diferente, o que chamou a atenção de um fiscal, que acompanhava a rota da van por um rastreador.

O fiscal seguiu o veículo e interceptou na Avenida Suburbana, bloqueando a passagem da van com uma caminhonete. Quando o motorista parou, passageiros e um dos criminosos fugiram. As cinco que pessoas permaneceram foram feitas reféns.

“E eu 24 horas com a faca na minha garganta. Quando não era na minha garganta, era atravessando aqui”, disse um dos passageiro.

“Só dizia que ia me matar. Que ia matar. Que se alguém entrasse no carro, que ia matar qualquer um ali. Ele ia morrer, mas ia levar dois”, contou outro homem que estava na van.

Um dos passageiros passou mal quando saiu da van e desmaiou. Ele foi atendido por equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e passa bem.

Os suspeitos foram levados para a Central de Flagrantes. Após a liberação das vítimas, a via foi desinterditada.

G1 Bahia- foto divulgação

 

 

 

OUTRAS NOTÍCIAS