Versículo do dia
Pode uma mulher esquecer-se tanto do filho que cria, que se não compadeça dele, do filho do seu ventre? Mas, ainda que esta se esquecesse, eu, todavia, me não esquecerei de ti. Eis que, na palma das minhas mãos, te tenho gravado; os teus muros estão continuamente perante mim.

Passarela da rua Olímpio Vital: poupar a vida ou o tempo?

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

9102015102254Apenas cinco minutos e mais de dez pessoas arriscaram suas vidas deixando de atravessar pela passarela para optar pela “corridinha” na rua Olímpio Vital. Um mês após a inauguração do equipamento, muita gente prefere o risco por achar que “vale a pena” quando se trata de economizar alguns minutos na travessia.

 

Infelizmente esse pensamento é justificativa para muitos pedestres que atravessam no trecho entre o Centro de Abastecimento e o Terminal de Transbordo Central. A passarela Rubem Cerqueira Teixeira, que custou cerca de R$ 1,5 mi de investimento do Governo Municipal, não é uma opção utilizada por todos.

 

“Quase todas as pessoas passam por baixo. Eu mesmo não deixo de passar pela passarela. É minha vida que está em jogo”, justifica o comerciante Antônio Ferreira, que trabalha em frente ao equipamento público.

 

A passarela foi inaugurada e entregue ao público no mês de agosto com o propósito de ligar dois importantes equipamentos do município e dar mais segurança aos pedestres. A passarela conta com grades de proteção, acessibilidade para deficientes físicos, cobertura e iluminação.

 

Segundo o superintendente municipal de Trânsito, Francisco Junior, as pessoas devem utilizar o caminho mais seguro. “A desculpa de poupar tempo não deve mais ser utilizada. O poder público investiu para dar mais segurança as pessoas. Insistir em atravessar por baixo é colocar a vida em risco”, salientou.

Flagrado após atravessar por baixo da passarela, um pedestre justifica: “eu vou ali ‘rapidinho’. Não vinha carro e eu atravessei logo, nem teve risco”, disse, sorrindo.

 

Secom

OUTRAS NOTÍCIAS