Paulo Coelho culpa bolsonaristas pela morte de Paulo Gustavo

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

O escritor Paulo Coelho polemizou nas redes sociais ao enumerar os “assassinos” do humorista Paulo Gustavo.

Nesta terça-feira (4), pouco mais de um hora após o anúncio da morte do ator por Covid-19, Paulo Coelho usou frases de Bolsonaro e de apoiadores para responsabilizá-los pela fatalidade.

Assassinos de Paulo Gustavo :
– quem dizia “é só uma gripezinha”
– “não passa de 200 mortes”
– “cloroquina resolve”
– “gente morre todo dia”
– “Lockdown destrói o país”
– “máscara nos faz respirar ar viciado”
– “eu obedeço [a]o comandante”
E por aí vai. Canalhas da pior espécie – escreveu Coelho no Twitter.

A publicação gerou uma série de reações. O deputado federal Carlos Jordy (PSL-RJ), por exemplo, chamou o escritor de vagabundo, acusando-o de oportunismo.

Informações do Uol/ Pleno News

OUTRAS NOTÍCIAS