Versículo do dia
E, respondendo ele, disse: Amarás ao Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todas as tuas forças, e de todo o teu entendimento e ao teu próximo como a ti mesmo.

Pesquisa mostra Igreja e Forças Armadas como instituições mais confiáveis para brasileiros

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

igrejasUma nova pesquisa sobre a confiança dos brasileiros nas instituições apontou que as igrejas gozam de prestígio junto à população, até mais do que a própria Justiça. Os dados foram obtidos pela Confederação Nacional de Transporte (CNT), através da 129ª edição da pesquisa, realizada pelo instituto MDA.

 

 

Dentre os 2.002 entrevistados, 54,7% disseram confiar nas igrejas, colocando as denominações religiosas cristãs no topo da lista; enquanto 17% colocaram sua confiança nas Forças Armadas, o que dá aos militares o segundo lugar; e 7,6% na Justiça, em terceiro.

 

De acordo com informações do Jornal Opção, todas as cinco regiões do país foram pesquisadas, com levantamentos realizados em 24 estados e 136 municípios. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais, o que elimina a possibilidade de empate nas primeiras colocações. A confiabilidade das respostas é de 95%, e o MDA fez auditoria em 20% da amostra.
A instituição que aparece em quarto lugar foi a Polícia, apontada por 5,9% dos entrevistados, e seguida da imprensa, em quinto lugar, que recebe a confiança de 4,5%.

 

Confira a avaliação de confiança de cada instituição, de acordo com o relatório da pesquisa:

 

Igreja

 
50,8% confiam sempre; 19,4% confia na maioria das vezes; 13,8% confia poucas vezes; 14,6% não confiam nunca e 1,4% não sabe ou não respondeu.

Forças Armadas

 
26,1% confiam sempre; 24,2% confiam na maioria das vezes; 26,6% não confiam nunca; 20,3% não confiam nunca; 2,8% não sabe ou não respondeu.

Justiça

 
37% confiam poucas vezes; 27,5% não confiam nunca; 20,1% confiam na maioria das vezes; 14,2% confiam sempre; e 1,2% não sabe ou não respondeu.

Polícia

 
38,7% confiam poucas vezes; 28,6% não confiam nunca; 21% confiam na maioria das vezes; 10,7% confiam sempre; e 1% não sabe ou não respondeu.

Imprensa

 

 
32% confiam poucas vezes; 26,1% não confiam nunca; 24,3% confiam na maioria das vezes; 16,1% confiam sempre e 1,5% não sabe ou não respondeu.

 

 

Congresso Nacional

 
55% não confiam nunca; 31,2% confiam poucas vezes; 6,9% confiam na maioria das vezes; 3,2% confiam sempre; e 3,7 não sabe ou não respondeu.

 

 

 

Governo

 
61,1% não confia nunca; 27% confia poucas vezes; 6,2% confia na maioria das vezes; 4,1% confiam sempre; e 1,6 não sabe ou não respondeu. 2015-10-28-1-e1446040527329-600x466

 

 

 

2018

 
Dentre outros assuntos, a pesquisa questionou aos entrevistados em quem eles votariam para presidente caso uma nova eleição fosse realizada agora.

 

 

O segundo colocado em 2014, senador Aécio Neves (PSDB), lidera as intenções de voto, seguido por Lula (PT) e Marina Silva (Rede). Veja infográfico:b

 

 

 

 

Gospel +

OUTRAS NOTÍCIAS