Versículo do dia
Bom e reto é o Senhor; pelo que ensinará o caminho aos pecadores. Guiará os mansos retamente; e aos mansos ensinará o seu caminho.

Rádio é suspensa por alugar programação para igreja

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

radio vidaFolha de São Paulo noticiou que a Rádio Vida recebeu uma ordem de suspensão da Justiça Federal por ter alugado seu horário para a igreja Comunidade Cristã Paz e Vida, dirigida pelo pastor Juanribe Pagliarin.

 

A concessão pertence ao ex-deputado Carlos Apolinário que entre janeiro de 2009 e março de 2014 alugou toda a programação da rádio para a Pagliarin pelo valor mensal de R$ 300 mil que depois foi ajustado para R$ 480 mil.

 

A decisão é da juíza federal Flávia Serizawa e Silva que entendeu que arrendar a rádio é um ato proibido. Essa foi a primeira vez que a justiça se manifesta em relação a esse tipo de comercialização que é bastante comum nas emissoras de rádio e TV.

 

Além de mandar interromper as transmissões da rádio, a decisão dada em 27 de março também determinou o bloqueio dos bens de Apolinário e do pastor Juanribe. O dono da rádio disse à Folha que não há fundamento para esta decisão.

 

“O procurador entendeu que uma concessão não poder ser arrendada, algo completamente sem fundamento”, disse ele que cita um dado curioso: há mais de 2.000 emissoras no Brasil que foram arrendadas ou alugadas para igrejas, seguradoras e bancos.

 

“Se a tese dele fosse verdadeira, não poderia ter a rádio Bradesco, que é um banco, não uma rádio. Qual crime eu cometi, se eu paguei todos os impostos? É crime ganhar dinheiro?”, se defende.
Apolinário se sente perseguido por ser o único dono de rádio a ter seus bens bloqueados. “Essa ação cível me deixou sem um tostão no bolso. Estou arrumando dinheiro emprestado para pagar dívida e funcionário. Você não sabe o sufoco que estou passando”.

 

Apesar da decisão os ouvintes da Rádio Vida continuam com a programação normal. A emissora não transmite mais a programação da Paz e Vida desde março do ano passado quando outra decisão judicial acertou a emissora.

 

Por conta de uma mudança da estrutura da rádio, o sinal foi bloqueado por alguns dias até que Apolinário conseguisse a liberação. Na época a emissora foi suspensa por ampliar seu sinal para a Grande São Paulo sem a autorização.

 

Gospel Prime  Foto: Jorge Araújo/Folhapress

OUTRAS NOTÍCIAS