Versículo do dia
Porque a vós vos foi concedido, em relação a Cristo, não somente crer nele, como também padecer por ele.

SAMU tem seguido determinações para garantir segurança nos atendimentos a pacientes com suspeita ou confirmação da COVID-19

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

Casos suspeitos ou confirmados da COVID-19, que estiverem com sintomas graves como: falta de ar intensa ou rebaixamento no nível de consciência podem ser atendidos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) 192, órgão vinculado a Secretaria de Saúde da Prefeitura de Feira de Santana, e encaminhados para as unidades de saúde correspondentes.

Conforme relata a enfermeira coordenadora do SAMU, Maiza Macedo, foi elaborado o plano de contingência, assim como protocolos específicos para o atendimento destes pacientes. “Foi necessário realizar reestruturação física da base e do quadro de profissionais, como também treinamento com todos que estão atuando neste momento. Os pacientes são atendidos, a depender do quadro clínico, são referenciados para as Unidades de Pronto Atendimento (UPA) ou para uma unidade hospitalar”, afirmou.

Ainda de acordo com Maiza, todas as ambulâncias possuem materiais e equipamentos necessários para prestar atendimento adequado aos pacientes com suspeita ou confirmados. “Dentro das unidades móveis podem ser realizados todos os procedimentos para estabilizar o paciente. Nossos profissionais estão totalmente qualificados e preparados para atender a população”, enfatizou Maiza Macedo.

Todos os profissionais estão devidamente paramentados com os Equipamentos de Proteção Individual nível três, específico para atendimento a pacientes com quadro de coronavírus. Os EPI’s utilizados são: roupa privativa, máscara N95, óculos de proteção, touca, protetor facial, macacão de segurança impermeável, luvas de procedimento e bota impermeável.

Conforme sugere os órgãos oficiais, após a transferência do paciente com suspeita ou confirmação do novo coronavírus é necessário que a ambulância realize desinfecção na unidade de referência que o paciente foi encaminhado, assim como, a desparamentação dos profissionais, ou seja, retirar todos os equipamentos de proteção individual de forma correta e realizar o descarte.

Atualmente está pactuada a desinfecção terminal das ambulâncias do SAMU com as Unidade de Pronto Atendimento localizada no bairro Queimadinha e Unidade de Pronto Atendimento localizada no bairro Mangabeira. Nas unidades de referência ainda não pactuadas os profissionais se desparamentar ao retornar para a base do SAMU, como também a desinfecção da ambulância. Após desinfecção, a unidade móvel está disponível para realizar novos atendimentos.

Todos os protocolos estabelecidos para casos suspeitos/confirmados por coronavírus podem ser consultados pelo link: http://www.samu192.feiradesantana.ba.gov.br/protocolos_operacionais.html#link

Foto: Raylle Ketly

OUTRAS NOTÍCIAS