Taís Araújo defende a legalização do aborto e diz para tirarem “a religião no meio”

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp
Foto reprodução/instragram

A defesa do aborto no Brasil é uma pauta quase unânime no meio artístico, visto que no ambiente predomina representantes da agenda esquerdista. Figuras como a atriz Taís Araújo, por exemplo, têm feito campanha em favor do procedimento que, na prática, significa a morte deliberada de bebês inocentes ainda no ventre materno.

Ao falar sobre o assunto, Taís Araújo buscou retirar a responsabilidade pela decisão de quem defende a liberdade de escolha da mulher. Seus argumentos foram apresentados no programa Saia Justa, do canal GNT.

“Ninguém aqui está defendendo que todo mundo tem que fazer aborto”, disse ela. “Estamos falando de saúde pública, mulheres estão morrendo”, destacou, acrescentando que o posicionamento contrário à prática, com base nos valores religiosos, só atrapalhariam o debate.

“Colocou a religião no meio, vai complicar qualquer assunto”, disse ela, sendo endossada por outras participantes do programa, como Sabrina Sato e a jornalista Astrid Fontenelle, segundo informações do GaúchaZH.

Fonte Gospel +

OUTRAS NOTÍCIAS