Versículo do dia
Pois que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, se perder a sua alma? Ou que dará o homem em recompensa da sua alma?

Técnicos da Seduc participam de formação do Programa Mediação de Aprendizagem

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

1892015103446Com o objetivo de proporcionar aos professores melhores alternativas para lidar com a distorção idade-ano que acometem cerca de 30% dos alunos das escolas municipais, a Secretaria Municipal de Educação, em parceria com o Instituto Ayrton Senna, está implementando o Programa Mediação de Aprendizagem. O primeiro de cinco encontros formativos, dirigidos aos técnicos da Seduc, aconteceu na manhã de quinta-feira, 17.

 

“Acreditamos que a melhor forma de começar a desenvolver um trabalho é conhecer a realidade de cada município. Por isso, precisamos conversar com os técnicos e professores que atuam na Secretaria de Educação para conhecer a realidade local”, observa Celi Lutz, agente técnica do Instituto Ayrton Senna.

 

A Formação Continuada, também chamada de Foco, tem duração de 20 horas e busca apresentar indicadores qualidade, de processos e também de obtenção de resultados. O currículo escolar, a alfabetização, bem com as metas propostas no Plano Municipal de Educação, são alguns dos pontos principais abordados durante os encontros.

 

Participam da iniciativa 15 professores da Rede Municipal de Ensino que atuam na Secretaria de Educação. “Acredito que é importante para nós, professores, discutirmos os processos de aprendizagem, os índices de aprovação e de reprovação ao final de cada ano e ainda a evasão escolar”, destaca a professora Jozelia Araújo Oliveira, chefe da Divisão de Ensino Fundamental da Secretaria de Educação.

 

O Programa Mediação de Aprendizagem, que terá início no primeiro semestre de 2016, age em duas vertentes. A primeira, intitulada “Se liga”, objetiva alfabetizar crianças que repetem o ano, porque não sabem ler nem escrever. A intenção é que eles retornem às séries regulares. A segunda, denominada “Acelera Brasil”, visa contribuir com o nível de conhecimento esperado para a primeira fase do Ensino Fundamental, de maneira que os alunos possam avançar em sua escolaridade.

OUTRAS NOTÍCIAS