Versículo do dia
Mas todos nós, com cara descoberta, refletindo, como um espelho, a glória do Senhor, somos transformados de glória em glória, na mesma imagem, como pelo Espírito do Senhor.

Trump disse que orou a Deus para reconstruir a economia dos EUA

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

Em plena campanha pela reeleição à presidência dos Estados Unidos, Donald Trump falou sobre a situação caótica que a economia do país atravessa em decorrência da pandemia do novo coronavírus, e declarou ter conversado com Deus a respeito da situação, pedindo ajuda.

Trump teve seu primeiro mandato como presidente norte-americano marcado pela defesa da liberdade religiosa de cristãos ao redor do mundo, o posicionamento com medidas práticas contra o aborto e a recuperação da economia do país, que vinha patinando nos oito anos de seu antecessor, Barack Obama.

Agora, com uma queda sem precedentes no PIB, o presidente disse que buscou a Deus em oração e pediu ajuda para reconstruir “a maior economia da história do mundo”. A declaração foi feita em um pequeno comício que atraiu várias centenas de apoiadores na cidade de Mankato, Minnesota.

De acordo com o portal The Christian Post, Trump classificou seu adversário nas urnas, Joe Biden, como um “fantoche de extremistas de esquerda” que destruiria o modo de vida americano “tentando apagar nossas fronteiras, eliminar nossa polícia, doutrinar nossos filhos, caluniar nossos heróis e tirar nossa energia”.

Biden, que foi vice-presidente de Obama, “substituiria a liberdade americana pelo fascismo de esquerda”, acrescentou Trump.

Em seu discurso, o presidente lembrou o desempenho econômico do país antes da pandemia, que tinha um forte mercado de ações, crescimento salarial de cerca de 3% em média e um baixo índice de desemprego. Para ele, tudo isso poderia ser descrito como “nada menos que um milagre econômico”.

Com a pandemia de COVID-19, a economia dos Estados Unidos sofreu seu maior golpe desde a Grande Depressão no segundo trimestre, quando os gastos dos consumidores e empresas despencaram e o produto interno bruto (PIB) caiu a uma taxa de 32,9% no segundo trimestre de 2020.

“O que conquistamos juntos e o que estamos fazendo juntos é nada menos que um milagre econômico e agora estamos fazendo de novo”, disse Trump.

Gospel +

OUTRAS NOTÍCIAS