Uma “marca do diabo” teria aparecido na pele de um menino de quatro anos, segundo seus pais

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

reinounidomeninodiabotwitterOs pais de um menino de quarto anos de idade ficaram assustados quando descobriram no peito do filho o que acreditam ser uma “marca do diabo”. Sharon Lewis, de 37 anos, conta que viu a estranha marca na pele do filho, Samuel, quando foi dar banho nele. Sem encontrar uma explicação, a marca tem confundido os pais, professores e até o médico da criança.

 

– É um pesadelo. Algumas pessoas disseram que é o símbolo de Mammon, o sinal do primeiro filho do Diabo, isso que tem sido muito perturbador – afirma Sharon, segundo o site britânico Newsteam.

 

A mãe do menino afirma que não havia nenhuma marca no filho quando ela deu banho nele e o colocou para dormir, e nem mesmo quando o vestiu para a escola na manhã seguinte. Então, ela e seu marido, avistaram o símbolo à noite quando tirava o uniforma da escola do filho.

 

– Eu tirava o uniforme e lá estava: dois círculos concêntricos com uma cruz no meio. Perguntei ao Samuel se tivesse batido em algo na escola ou caído, mas ele disse ‘não’ – relata a mãe, que buscou ainda outras explicações para a estranha marca.

 

– Samuel sofre de uma doença rara dos “ossos de vidro” e assumimos que ele tinha dormido com um brinquedo ou algo pressionando contra ele. Mas ele disse que não tinha. Nós tiramos os lençóis e não encontramos nada – explicou.

 

Temendo se tratar de uma infecção da pele ou erupção cutânea, Sharon levou ao médico, que também não conseguiu encontrar nenhuma explicação para a marca. Ela conta que foi também à escola conversar com os professores do filho, mas ninguém conseguia explicar o surgimento da marca.

 

– O médico disse que não era uma erupção, a marca não estava ferida e não houve vermelhidão ao redor. Ele admitiu que não tinha a menor ideia do que se tratava. Ficamos confusos e com medo – afirma a mãe do menino, que então publicou uma foto a marca no Facebook, perguntando às pessoas o que poderia ser aquilo.

 

Os pais do menino contam que o símbolo ficou evidente na pele do filho por três semanas, e que eles chegaram a entrar em contato com um site especializado em marcas corporais misteriosas e abduções alienígenas.

 

– Você vê esse tipo de coisa em filmes de terror e ficção científica. Mas não imagina que irá acontecer a famílias como nós. Agora nós dormimos com a luz acessa e Samuel muitas vezes vem para a cama comigo e Robby – afirma Sharon, que diz também que algumas vezes acorda à noite ouvindo “solavancos”.

 

 

OUTRAS NOTÍCIAS