Notícias

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 16/01/2020

Ximbinha é acusado de agredir e torturar cantora: ‘muito traumatizada’

O guitarrista Ximbinha, ex-marido de Joelma, está sendo acusado de agressão por Carla Maués, ex-vocalista do Cabaré do Brega, projeto comandado pelo músico. Carla confirmou que as agressões ocorreram em um estúdio em Belém e disse por telefone ao G1 que está reunindo advogados para formalizar denúncia. Em nota, a assessoria de Ximbinha negou as acusações e disse que o projeto Cabaré do Brega tomará todas as medidas judiciais cabíveis.

 

O caso veio à tona pelas redes sociais do ex-deputado federal Wladimir Costa, que se diz amigo próximo de Carla. Segundo a publicação, a cantora teria saído do projeto devido às supostas agressões.

 

Nesta quarta, o projeto de Ximbinha anunciou uma nova vocalista, a amapaense Jessica Rodrigues. A assessoria do projeto informou, também, que deve entrar com processo contra o ex-deputado por calúnia, difamação, injúria, constrangimento, dano moral, prejuízo comercial e ameaça.

 

Joelma e Chimbinha encerraram a Banda Calypso em 2015, após a separação marcada por denúncias de agressão. No mesmo ano, o guitarrista anunciou a cantora Thábata Mendes como nova vocalista da banda. Depois disso, Ximbinha rompeu com Thábata por “divergências concentuais”. A banda então passou a se chamar XCalypso e Chimbinha passou a ser chamado de Ximbinha. Em seguida, Carla Maués passa a ser companheira de palco do guitarrista.

 

Em outubro de 2018, Ximbinha foi acusado de injúria por uma mulher, que preferiu não se identificar, de tê-la destratado e ofendido pessoalmente com palavras de baixo calão, durante festa na casa do artista.

 

G1